UNIVERSO CMDV

Cirurgia guiada

Os implantes são “raízes” artificiais instaladas (implantadas) no osso mandibular ou maxilar. Ao substituir as raízes dentárias, possibilita a confecção de próteses sobre eles, permitindo a reabilitação estética e funcional (mastigação), além de devolver qualidade de vida social ao indivíduo debilitado.

Os implantes dentários proporcionam conforto e eficiência na mastigação, de forma similar aos dentes naturais, sendo superiores ao uso de próteses totais (dentaduras) e próteses parciais removíveis.

Os Implantes dentários podem ser instalados de uma forma muito pouco traumática e com menor risco possível para o paciente com o recurso à cirurgia guiada por computador. Esta é pela 1ª vez realizada virtualmente no computador a partir de uma tomografia tridimensional da arcada dentária do paciente.

As imagens da tomografia computadorizada (TC) são manipuladas num software específico que permite o planejamento minucioso da cirurgia em 3 dimensões (3D). O Médico dentista pode planear e proceder à colocação dos implantes dentários de uma forma virtual, escolhendo a posição e a inclinação mais adequada dos implantes, bem como o número de implantes a serem utilizados, tendo em consideração as restrições anatómicas do paciente (Figura 1).

Além disso, permite a confeção de uma guia cirúrgica de alta precisão (cópia em escala real da região anatómica escolhida), que tem por objetivo permitir a colocação dos implantes dentários, muitas vezes sem necessidade de cortes na gengiva do paciente, e de uma forma altamente precisa (Figura 2). Recentes trabalhos mostram que a posição final dos implantes varia apenas em 2 graus em relação ao planeamento inicial feito em computador desses mesmos implantes. O planeamento computadorizado por si só já seria uma vantagem enorme da técnica, mas sabemos que a principal vantagem é mesmo o conforto por parte do paciente.

Ainda, em algumas situações, a instalação da prótese pode ser imediata. Sabendo, previamente, onde os implantes serão instalados, a prótese pode ser confecionada antes e instalada no mesmo dia.

Se após uma análise cuidada o paciente apresentar as condições ideais, a cirurgia guiada proporciona ao paciente as vantagens de existir menor inchaço, menor possibilidade de dor, e menor quantidade de medicamentos pós-operatórios. Não há necessidade de sutura, já que não é feito retalho. O tempo de duração da cirurgia é muito reduzido.

A principal desvantagem é o custo do tratamento que devido à confeção da guia cirúrgica, tem um custo mais elevado.

Dr. Pedro Carvalho Gomes
Diretor Clínico / Médico Dentista
2019-07-16