UNIVERSO CMDV

GBT - Uma abordagem nova na profilaxia clínica

Durante décadas, as consultas de controlo em Medicina Dentária eram vistas pelos pacientes como as consultas em que se avaliava a necessidade de tratamento de cáries e a remoção de “pedra” dos dentes, a vulgar “limpeza”. Quando se introduziram as consultas de Higiene Oral na prática clínica, os pacientes começaram a ter contacto mais frequente com termos como “placa bacteriana”, “gengivite” e “periodontite”, com a necessidade de adopção de comportamentos preventivos, com os ensinos personalizados das técnicas diárias de higiene oral, mas continuaram a ter que lidar com as vulgares “limpezas” dos dentes. Após o diagnóstico de possíveis problemas dentários ou gengivais seguia-se a destartarização de todos os dentes (um a um, acima e abaixo da margem da gengiva) e depois era feito o polimento com escova e pasta apropriada. Esses dias chegaram ao fim. 

A empresa Suiça EMS (Electro Medical Systems) desenvolveu um protocolo de profilaxia clínica denominado GBT (Guided Biofilm Therapy) que consiste numa abordagem profilática orientada para o controlo e remoção da placa bacteriana (biofilme) através do uso das tecnologias mais actuais AIRFLOW®, PERIOFLOW® e PIEZON® e suportada pela evidência científica. Sendo o biofilme oral – placa bacteriana – o principal responsável pelas principais doenças orais, nomeadamente cárie dentária, doenças periodontais e doenças peri-implantares, faz todo o sentido existir uma abordagem profiláctica cujo objectivo seja a eliminação total do mesmo. Outra vantagem do controlo do biofilme oral é a influência benigna para a saúde geral uma vez que está comprovada a relação entre as bactérias orais e doenças orais, como a periodontite, com o aumento do risco de desenvolvimento e agravamento de outras patologias de saúde geral. 

A consulta de Higiene Oral que segue o GBT é minimamente invasiva e permite reduzir significativamente o tempo de tratamento em comparação com a abordagem convencional (destartarização e polimento com pasta de todos os dentes). A abordagem GBT é segura, eficaz e suave para os dentes, tecidos moles e implantes e pode ser aplicada a todos os pacientes e em qualquer fase de tratamento. Compreende 8 passos essenciais que vão desde o diagnóstico de doenças orais, à utilização de revelador de placa bacteriana (que apoia os ensinos individualizados de remoção diária do biofilme e que garante a eliminação completa da superfície dos dentes), à profilaxia profissional das superfícies dentárias e tecidos moles e à determinação de intervalos de controlo com base na avaliação do risco de cada indivíduoA vulgar “limpeza” é agora efectuada com recurso a jactos profiláticos de última geração e o destartarizador é utilizado apenas em depósitos mineralizados (tártaro). O feedback dos pacientes é positivo uma vez que esta abordagem é indolor e mais rápida. 

De acordo com a EMS, o protocolo GBT obedece às recomendações da Federação Europeia de Periodontologia (EFP) para Remoção de Placa Mecânica Profissional (PMPR) e Instruções de Higiene Oral (OHI) para Cuidados Domiciliares da Federação Europeia de Periodontologia (EFP). O conhecimento científico e o progresso tecnológico contribuíram para uma mudança de paradigma na profilaxia profissional. A comunidade clínica deve agora integrar esses desenvolvimentos na prática quotidiana, para o bem-estar dos pacientes e dos profissionais de saúde oral. 

Drª. Damiana Fernandes
Higienista Oral
2020-03-04